05 outubro 2013

É ASSIM ATÃO? TUDE PU AR! OLIÓPSSE.


Sabem por onde eu andê criaturas malinas? Pu Benim. É obra! Não é Berlin, catâne. É Benim ke se diz! O Berlin é ôntra terra xêa de faxistas e ke devem tar injuádes k'má pardela. E eu ralade.
Olhem s'eu sabia k'avia uma terra xamada Benim!
Se xkentamentes, moscas e sidózes tivessem tante valor k'mó dólar, o Benim era má rike có Dubai. Ólarilas. Mas côme não é, nem luz tinha akuante más intrenet.
Akuaze uma semana a kemer rissóis e merrer cu calor e cu xêre a catinga. Já na m'apanhava in terra.
Mas ó perte o Benim até é parcide ca nossa terra linda c'mó sol. Se fossemes todes dos trolitêres até os prêtes nes xamavem prêtes...
Mazé assim atão? Partirem tude às criaturas? Inda dizem eles ke kerem dar impregues ó pôve. Só cus mamões ke lá tavam à babuje na xega um Centre d'Impregue pa tante gade.
Foi atão seguide e cor. E intrô o batutêre! Mas esse é normal, já kenhece as regras pó bem e pó mal. Na pardoa.
Kem deve tar ainda em jajum são os Espegades ke pensavem k'iam mandar e afinal ficarem foi a mamar...
E o Capitão Pêrinha. É obra! Tinha ele já tude arranjade ku Cagalhão pa ir pós barkinhes e afinal foi apanhar áuga cum bartidor rôte.
Dus ôtres tôdes só vale a pena falar da pikena dos faxistas. Fazia dela um xenéle. Ó ela a mim, lógue s'avéra de ver.
Na pude foi ver as caras d'interre dos mamões. O k'eu pagava pa ver a perrada surda e as abelâncias a xigar.
Agora os da mãozinha na se eskecem. Façem k'mós ôtres k'ão-de ir parar perte. Olhem k'isse não é um carrossel pa dar voltinhas. Áviva!
Dexem-se tar páí ke vôn agora levar uma bacina pó xkentamente, ke ton tôde ardide. Se na duesse tante até era capaz de m'abituar a ter um xumbéu de cavále.
Mas ton confermade. Há agora kem tanha mas partes arder e na se kêxa.
Kuande aí xigar dexem ó mênes um cadinhe da prainha. Tá bem? Vá lá ver. Fassem óguma coiza pe vocezes abáxe.

Sem comentários:

Enviar um comentário